Porquê Proteger?

Muito se pode aprender sobre a condição do meio ambiente através das tartarugas marinhas. Existem há mais de 100 milhões de anos, e viajam através dos oceanos do mundo. No entanto, lutam pela sobrevivência, em grande parte devido às ações causadas pelo Homem. Mas o que pode significar para a espécie humana a extinção das tartarugas marinhas?

É possível que um mundo em que as tartarugas marinhas não possam sobreviver poderá em breve tornar-se um mundo no qual os humanos lutem para sobreviver. No entanto, se aprendermos com os nossos erros e começarmos a mudar o nosso comportamento, ainda há tempo de salvar as tartarugas marinhas da extinção.

Entretanto se salvarmos uma das criaturas mais misteriosas do planeta, poderemos também salvarmo-nos a nós mesmos.

Chelonia mydas (Tartaruga Verde)
Chelonia mydas (Tartaruga Verde)

O que é a extinção?

Uma planta ou animal torna-se extinto quando o último indivíduo da sua espécie morre, desaparecendo da face da terra para sempre.

A extinção das espécies acontece há milhões de anos, e é parte natural do processo evolutivo. A maioria das espécies que existiam na época dos dinossauros extinguiram-se, muito provavelmente devido a mudanças súbitas geológicas e climáticas. Hoje, porém, a extinção das espécies acontece maioritariamente devido a mudanças abruptas provocadas pelos seres humanos.

A destruição do habitat, poluição e excesso de consumo, têm vindo a causar a diminuição das espécies a um ritmo nunca antes visto na história. Esta perda de biodiversidade pode tornar toda a vida na Terra vulnerável.