Caretta caretta

Nuno_Sá02_1
Nome Científico: Caretta caretta (Linnaeus, 1758)

 

Nomes comuns: Tartaruga Cabeçuda ou Comum (Pt), Loggerhead Sea Turtle (En), Tortue Caouanne (Fr), Tortuga Caguama (Sp).

 

Estado de Conservação (IUCN, 2016): Vulnerável

 

Ocorre nos mares tropicais e subtropicais e também em águas temperadas. As principais áreas de reprodução estão localizadas no Atlântico, na costa sudeste dos Estados Unidos, Brasil e Cabo Verde e no Índico, em Oman.

Caracteriza-se pela sua grande cabeça em forma de coração, daí o nome de cabeçuda e possui fortes mandíbulas. Tem uma carapaça óssea, sem sulcos e grandes placas que não se sobrepõem.

 

É a única espécie que possui cinco pares de placas laterais, de cor castanho, o que define a espécie em comparação com as restantes. O plastrão, a “barriga da tartaruga”, possui uma cor amarelada. As barbatanas dianteiras são curtas e grossas, com 2 unhas, enquanto que as posteriores podem ter 2 ou 3 unhas.

K01_B_29©PT copy_0

As tartarugas desta espécie podem ter entre 73 a 107 cm de comprimento curvilíneo de carapaça e pesar entre 70 a 170 kg.

São espécies primariamente carnívoras e alimentam-se preferencialmente de crustáceos, bivalves e outros invertebrados bentônicos. Os seus poderosos músculos da mandíbula ajudam a triturar os alimentos.

 

Quando juvenis e adultos, durante deslocamentos migratórios, são oportunistas, alimentam-se de quase tudo o que encontram junto da superfície. Os seus poderosos músculos da mandíbula ajudam a triturar os alimentos.

 

Enquanto filhotes, podem também alimentar-se de vários tipos de algas, principalmente pequenos pedaços de Sargassum.

96 (2) copy

Realiza posturas em intervalos médios de 2 a 4 anos, e podem chegar a desovar entre 4 a 7 vezes, com cerca de 100 a 126 ovos por postura. Após 60 dias, aproximadamente, os ovos eclodem.

Estima-se que existem no mundo entre 40.000 a 50.000 fêmeas em idade reprodutiva.

Loggerhead turtle torch light 5 (2)_0

© SOS Tartarugas